Terça, 07 de Dezembro de 2021 02:28
83 9.9870-0330
Saúde Sertão

Opera Paraíba realiza 182 cirurgias de Catarata em Patos

O Programa Opera Paraíba tem a meta de reduzir as filas de espera por cirurgias eletivas no Sistema Único de Saúde do Estado em um ano.

22/11/2021 22h00
Por: João Luis Gomes Fausto Fonte: Assessoria
Créditos: Divulgação/ Assessoria
Créditos: Divulgação/ Assessoria

O segundo mutirão do Programa Opera Paraíba, em Patos, realizou 182 cirurgias de Catarata no Hospital do Bem, nesse fim de semana. No sábado, primeiro dia da ação, foram realizados 90 procedimentos e no domingo, mais 92 cirurgias. O mutirão segue, nesta segunda-feira (22), e será encerrado amanhã. A expectativa é que mais 200 pessoas sejam beneficiadas, sendo 100 hoje e outras 100 amanhã. Nesta etapa foram ofertadas 400 cirurgias em Patos.

 

Os pacientes são de 24 municípios da 6ª Região de Saúde do Estado e são encaminhados pela Central Estadual de Regulação, sob a supervisão da 6ª Gerência de Saúde. Além do procedimento cirúrgico, os pacientes também estão fazendo exames de Ceratometria, Biometria e Fundoscopia. Os oftalmologistas Sidney Toscano, Manoel Frazão e Daniel Medeiros são os responsáveis pelos procedimentos deste mutirão que conta com total apoio da equipe do Hospital do Bem que integra o Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro de Patos (CHRDJC).

 

O diretor-geral do Complexo, Francisco Guedes, comemora mais essa ação que incluiu o Hospital de Patos no Programa Opera Paraíba. “É muito gratificante integrar esse grupo de unidades que estão inseridas no Opera Paraíba e poder dar nossa contribuição e ajudar paraibanos que esperavam por uma cirurgia eletiva a terem uma melhor qualidade de vida e visão é uma questão primordial neste aspecto”, observa o diretor.

 

Nestes quatro dias de mutirão estão sendo beneficiados pacientes das cidades de Areia de Baraúnas, Cacimba de Areia, Cacimbas, Catingueira, Condado, Desterro, Emas, Junco do Seridó, Mãe d’Água, Malta, Maturéia, Passagem, Patos, Quixaba, Salgadinho, Santa Luzia, Santa Teresinha, São José de Espinharas, São José do Bonfim, São José do Sabugi, São Mamede, Teixeira, Várzea e Vista Serrana. O Programa Opera Paraíba tem a meta de reduzir as filas de espera por cirurgias eletivas no Sistema Único de Saúde do Estado em um ano. 

 

A responsável pela 6ª Gerência Regional de Saúde, Liliane Sena, também comemora o sucesso desta segunda etapa do ‘Opera Paraíba’ em Patos. “Está tudo correndo dentro das expectativas. Tivemos um número muito reduzido de faltosos. Foram 10 no primeiro dia e oito no segundo e os procedimentos estão acontecendo sem nenhuma intercorrência”, disse Liliane.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias