Segunda, 23 de Maio de 2022 01:35
83 9.9870-0330
Dólar comercial R$ 4,88 0%
Euro R$ 5,15 0%
Peso Argentino R$ 0,04 -0.011%
Bitcoin R$ 155.996,64 +3.039%
Bovespa 108.487,88 pontos +1.39%
Economia Economia

Preço do gás de cozinha oscila entre R$ 99,99 e R$ 120 para pagamento à vista, na Paraíba

Para pagamento no cartão de crédito, o valor é superior.

13/05/2022 12h13 Atualizada há 1 semana
Por: João Luis Gomes Fausto Fonte: Polêmica Paraíba
Créditos: Reprodução
Créditos: Reprodução

O preço do botijão do gás de cozinha de 13 quilos, para pagamento à vista, está oscilando entre R$ 99,99 (Posto Setta – Ilha do Bispo) e R$ 120 (praticado em 12 locais) em João Pessoa, segundo constatou pesquisa realizada pela Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor, nesta quinta-feira (12). A diferente entre o menor e maior valor é de R$ 20,01, média de R$ 114,84 e variação de 20%. A equipe do Procon-JP visitou 43 estabelecimentos de 26 bairros da Capital.

 

Para pagamento no cartão de crédito, o valor é superior. O levantamento constatou que os preços estão sendo registrados entre R$ 105,00 (Abigail Gás – Mandacaru) e R$ 130,00 (Kiko Gás – Alto Mateus), com média de R$ 118,61, variação de 23,8% e diferença de R$ 25.

 

Mais baratos

Os outros preços mais em conta foram encontrados a R$ 100 (Abigail Gás – Mandacaru) e R$ 110 nos seguintes locais: Fernando Gás (Mangabeira/Cidade Verde); Ferreira Gás e Josimar Gás (Cristo); Alex Gás (Cruz das Armas); Casa do Gás (Treze de Maio); Beto Gás (Monsenhor Magno/Valentina); e Pablo Gás (Valentina).

 

Locais visitados

A pesquisa de preços do Procon-JP foi realizada nos seguintes locais e bairros: Arlete Gás, Depósito JR e Brasil Gás (Manaíra); Casa do Gás (Treze de Maio); Depósito D’Almir (Bairro dos Estados); Brito’s Distribuidora (Expedicionários); Isaquiel Gás (Miramar); Mercadinho Pedro Gondim (Pedro Gondim); SOS Gás, André Gás, Disk Gás e Flash Gás (Torre); Gira Gás (Jardim Cidade Universitária); Real Gás, Nunes Gás, Bancários Gás, Gabriel Gás e Box do João (Bancários).

 

A equipe de pesquisadores também esteve em Vando Gás e Água, Rosa Gás, Depósito Galvão, Nilson Gás e El Shaday Gás (Mangabeira); Fernando Gás (Cidade Verde/Mangabeira); Josimar Gás e Ferreira Gás (Cristo), Depósito Pecorelli e Ricardo Gás (Jaguaribe); Roberto Gás (Esplanada); JDS Gás (Colinas do Sul); Alex Gás e Depósito Novais (Cruz das Armas); Vitória Gás e Abigail Gás (Mandacaru); Pablo Gás (Valentina); Beto Gás (Monsenhor Magno); Gravatá Gás (Boa Esperança/Valentina I); ADM Gás e Kiko Gás (Alto do Mateus); Zé do Gás e Posto Setta (Ilha do Bispo), Depósito João do Gás (Bairro das Indústrias); e Sampaio Gás e Água (Baixo Roger).

 

Confira a tabela completa da pesquisa acessando o link.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias